Topo
Notícias

Argentina tem três dúvidas para estreia na Copa América contra o Canadá

18/06/2024 01h24

A disputa pela titularidade entre Alexis Mac Allister e Enzo Fernández é uma das dúvidas que o técnico argentino, Lionel Scaloni, mantém para a estreia, na quinta-feira (20), contra o Canadá, na abertura da Copa América dos Estados Unidos-2024. 

No segundo treino desta segunda-feira no centro de treinamento da Kennesaw State University, cerca de 43 km ao noroeste de Atlanta, a 'Albiceleste' realizou um trabalho que visa definir o time titular contra os 'Canucks', embora com três dúvidas importantes, uma no meio de campo e duas na formação do ataque. 

Mac Allister (Liverpool) e Fernández (Chelsea) disputam a única posição sem nome garantido em uma linha de três meio-campistas. Leandro Paredes (Roma) e Rodrigo De Paul (Atlético de Madrid) são os dois meias absolutos do esquema de Scaloni.

No ataque, que será liderado por Lionel Messi, as dúvidas do treinador giram em torno dos companheiros do capitão albiceleste: Julián Álvarez (Manchester City) ou Lautaro Martínez (Inter de Milão), e Nicolás González (Fiorentina) ou Ángel Di María (Benfica). 

O restante do elenco é o mesmo que Scaloni utilizou nos dois amistosos deste mês contra Equador (1 a 0) e Guatemala (4 a 1) em território americano. 

Consequentemente, a formação mais provável com a qual a Argentina deverá iniciar a defesa do título conquistado em 2021 no Maracanã contra o anfitrião Brasil será com Emiliano Martínez; Nahuel Molina, Cristian Romero, Nicolás Otamendi, Nicolás Tagliafico; Rodrigo De Paul, Leandro Paredes, Alexis Mac Allister ou Enzo Fernández; Lionel Messi, Lautaro Martínez ou Julián Álvarez, Ángel Di María ou Nicolás González.

A presença de Messi como titular contra os canadenses fará com que o craque argentino se torne o jogador com mais partidas disputadas na história da Copa América, chegando à marca de 35. 

O recorde por enquanto é compartilhado entre Messi e o goleiro chileno Sergio Livingstone com 34 jogos.

cl/gfe/aam

© Agence France-Presse

Notícias