Topo
Notícias

Itália emplaca coalizão contra tráfico de migrantes no G7

14/06/2024 10h12

BARI, 14 JUN (ANSA) - Os membros do G7 aprovaram o lançamento de uma coalizão para combater o "tráfico de migrantes".   

O compromisso está no comunicado final da reunião do grupo em Borgo Egnazia, sul da Itália, e era uma bandeira da premiê de direita Giorgia Meloni, eleita com a promessa de frear os fluxos migratórios no Mar Mediterrâneo.   

No documento, os países do G7 (Alemanha, Canadá, EUA, França, Itália, Japão e Reino Unido, além da União Europeia) reforçam o "empenho coletivo e a cooperação reforçada sobre migração, para enfrentar os desafios e aproveitar as oportunidades que ela apresenta, em parceria com países de origem e de trânsito".   

"Vamos nos concentrar nas causas profundas da migração irregular, nos esforços para melhorar a gestão das fronteiras e frear a criminalidade organizada transnacional e nos percursos seguros e regulares para a migração", diz o texto.   

Desde o início do ano, mais de 23,2 mil deslocados internacionais desembarcaram na Itália via Mediterrâneo Central, queda de quase 60% em relação ao mesmo período de 2023, segundo o Ministério do Interior. (ANSA).   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.

Notícias