Topo
Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

Forças Armadas do Irã dizem que estão prontas para lidar com qualquer ataque israelense

Sistema anti-míssil de Israel abatendo artefatos em ataque realizado pelo Irã - Amir Cohen/Reuters
Sistema anti-míssil de Israel abatendo artefatos em ataque realizado pelo Irã Imagem: Amir Cohen/Reuters

17/04/2024 07h47Atualizada em 17/04/2024 08h21

O Irã afirmou nesta quarta-feira que suas Forças Armadas estão prontas para enfrentar qualquer ataque de Israel, com a Força Aérea dizendo que está preparada para ação.

O comandante da Marinha do Irã disse também que estava escoltando navios comerciais iranianos para o Mar Vermelho.

O Irã realizou seu primeiro ataque direto a Israel no último fim de semana, em retaliação a um suposto ataque israelense a um complexo diplomático iraniano em Damasco, em 1º de abril.

Israel disse que vai revidar e seu gabinete de guerra se reuniu na quarta-feira para discutir opções.

"Qualquer ataque do regime sionista (Israel) em nosso solo será tratado com uma resposta severa", disse o presidente iraniano, Ebrahim Raisi, na quarta-feira, em um desfile realizado para o Dia do Exército, informou a mídia estatal.

O comandante da Força Aérea da República Islâmica do Irã advertiu no mesmo evento que seus aviões de guerra, incluindo os Sukhoi-24 de fabricação russa, estavam em seu "melhor estado de preparação" para combater qualquer ataque israelense.

"Temos total prontidão em todos os campos, incluindo nossa cobertura aérea e bombardeiros, e estamos preparados para qualquer operação", disse o general Amir Vahedi.

Um ataque direto às bases da Guarda Revolucionária ou às instalações de pesquisa nuclear no Irã é uma das opções que Israel tem para contra-atacar. Alvos fora do Irã também são uma possibilidade.

O almirante Shahram Irani disse que a Marinha do Irã estava escoltando navios comerciais iranianos para o Mar Vermelho, de acordo com a agência de notícias semi-oficial Tasnim.

"A Marinha está realizando uma missão para escoltar os navios comerciais iranianos para o Mar Vermelho e nossa fragata Jamaran está presente no Golfo de Áden com esse objetivo", afirmou Irani.

Teerã está pronta para escoltar embarcações de outros países, acrescentou.

O Mar Vermelho tem sofrido problemas na navegação com destino a Israel devido aos ataques dos Houthis do Iêmen, alinhados ao Irã.

Em 13 de abril, a Guarda Revolucionária do Irã apreendeu o MSC Aries, um navio de contêineres de bandeira portuguesa no Estreito de Ormuz que Teerã diz estar ligado a Israel.

Notícias