PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Madagascar diz ter frustrado tentativa de assassinato do presidente

26.jun.2021 - O presidente de Madagascar Andry Rajoelina; país sofreu muitas crises políticas nos últimos 20 anos - Rijasolo/AFP
26.jun.2021 - O presidente de Madagascar Andry Rajoelina; país sofreu muitas crises políticas nos últimos 20 anos Imagem: Rijasolo/AFP

Em Antananarivo

22/07/2021 07h33

A acusação de Madagascar anunciou ter frustrado uma tentativa de assassinato do presidente Andry Rajoelina e prendeu várias pessoas "estrangeiras e malgaxes".

Entre os detidos, há dois franceses, informou uma fonte diplomática hoje.

"Vários cidadãos estrangeiros e malgaxes foram detidos na terça-feira como parte de uma investigação por atentar contra a segurança do Estado", declarou a procuradora-geral Berthine Razafiarivony na noite de ontem.

"De acordo com as provas materiais que temos, esses indivíduos arquitetaram um plano de eliminação e neutralização de várias personalidades malgaxes, incluindo o chefe de Estado", acrescentou a procuradora.

"Nesta fase da investigação que continua, a Procuradoria Geral garante que este caso será esclarecido", frisou.

A agência malgaxe Taratra, subordinada ao Ministério da Comunicação, afirmou que os dois franceses detidos, Philippe F. e Paul R., são ex-oficiais reformados.

Durante a celebração da festa de Independência de Madagascar, em 26 de junho, as forças de segurança anunciaram terem frustrado uma tentativa de assassinato do secretário de Estado encarregado da Gendarmeria, o braço direito do presidente, general Richard Ravalomanana.

Um dos países mais pobres do mundo, Madagascar sofreu muitas crises políticas nos últimos 20 anos.

Notícias