PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Rio de Janeiro e São Paulo fazem operação contra fraude de R$ 600 milhões

Endereço vazio teria emitido R$ 11 milhões em notas frias  - Reprodução
Endereço vazio teria emitido R$ 11 milhões em notas frias Imagem: Reprodução
do UOL

Colaboração para o UOL

24/02/2021 10h10

As secretarias da Fazenda de Rio de Janeiro e São Paulo começaram hoje uma investigação sobre sonegação fiscal. A suspeita é que a ação criminosa envolveu pelo menos R$ 600 milhões em ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

A investigação indica que diversas empresas, a maioria fantasma, emitiram R$ 5,4 bilhões em notas fiscais "frias" nos últimos 12 meses.

A Fazenda de São Paulo identificou que essas "empresas noteiras" começaram atuando no estado e depois migraram para o Rio de Janeiro.
Segundo as investigações do Fisco paulista, empresas "noteiras" que atuavam em SP migraram para o Rio.

Auditores foram em 66 empresas em 18 cidades fluminenses. Eles vão verificar se cada empresa existe ou não

Já foi divulgado que, em Xerém, na Baixada Fluminense, uma vila abandonada seria sede de uma empresa. Segundo o Fisco, ela emitiu R$ 11 milhões em notas.
.

Notícias