PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Trafigura tem aval para importar gás da Argentina e Bolívia

Importações envolverão um volume total de até 3 milhões de metros cúbicos/dia e o transporte será feito pelo trecho 1 do gasoduto Uruguaiana-Porto Alegre - Banco de Imagens da Petrobras
Importações envolverão um volume total de até 3 milhões de metros cúbicos/dia e o transporte será feito pelo trecho 1 do gasoduto Uruguaiana-Porto Alegre Imagem: Banco de Imagens da Petrobras

Luciano Costa

23/02/2021 10h39

SÃO PAULO (Reuters) - Uma unidade brasileira da trading global Trafigura recebeu autorização do governo para realizar importações de gás da Argentina e da Bolívia, com as operações mirando fornecimento a distribuidoras e comercializadoras do insumo e ao mercado de energia elétrica.

As importações da Argentina envolverão um volume total de até 3 milhões de metros cúbicos/dia e o transporte será feito pelo trecho 1 do gasoduto Uruguaiana-Porto Alegre, segundo portaria do Ministério de Minas e Energia publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira.

A Trafigura apontou que o mercado potencial para o gás argentino importado envolve "empresas de geração de energia e produtores independentes de energia".

Já as compras junto à Bolívia envolverão até 10 milhões de metros cúbicos diários pelo gasoduto Bolívia-Brasil, também de acordo com portaria da pasta de Minas e Energia.

O mercado potencial para o insumo boliviano envolve "consumidores livres, comercializadores, companhias distribuidoras locais, empresas de geração de energia e produtores independentes de energia".

Ambas as autorizações são válidas até 29 de fevereiro de 2024.

Notícias