PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Toyota Corolla Cross: veja versões e o que já sabemos sobre o novo SUV

do UOL

José Antonio Leme

Do UOL, em São Paulo (SP)

18/02/2021 14h00

A Toyota divulgou hoje o seu site especial para o lançamento do SUV médio Corolla Cross. O modelo que será produzido em Sorocaba (SP) já tem uma série de informações definidas antes do seu lançamento, que acontece no dia 11 de março nas redes sociais e início das vendas no dia 25 de março, mas o UOL Carros já conseguiu informações importantes sobre o aguardado lançamento.

O Corolla Cross terá quatro versões no Brasil, mas diferentemente do que era esperado, não vai utilizar as mesmas nomenclaturas do Corolla sedã. Ao invés de GLi, XEi, Altis e Altis Premium, o Corolla Cross vai adotar como nome das versões XR, XRE, XRV e XRX, da mais básica a mais completa, respectivamente.

Por dentro, essas versões serão diferenciadas pelo acabamento. A XR terá interior preto com tecido especial. XRE e XRV também apostam no interior preto, mas os bancos vêm revestidos de couro. No caso da XRX, o interior é preto, porém os bancos de couro são na cor bege.

O porta-malas terá 440 litros, são 43 litros a menos que a capacidade oferecida pelo Corolla Cross tailandês. O motivo da diferença entre o brasileiro e o asiático é que no Brasil ele será vendido com estepe, o que reduz o espaço do porta-malas, enquanto o "irmão" aposta apenas em um kit de reparo rápido por lá. Aqui no Brasil, o sistema de reparo rápido não ganhou o público.

Serão seis as cores disponíveis para o Corolla Cross: Branco Polar, Branco Pérola, Prata Lua Nova, Cinza Granito, Preto Eclipse e Vermelho Granada. O azul das fotos de divulgação estará disponível, inicialmente, apenas na série especial de lançamento. Um detalhe que vai diferenciar visualmente as versões híbridas é um filete azul nos faróis.

Equipamentos

Em todas, a nova central multimídia que chegou a linha 2021 do Corolla sedã faz parte do pacote com integração a Android Auto e Apple CarPlay. Além disso, o pacote de sete airbags também é um item de série em todas as versões citadas acima. A versão XR virá com faróis halógenos, enquanto as demais trazem faróis Full LEDs e de neblina com a mesma tecnologia.

As rodas serão de 17 polegadas e 18 polegadas. As de 17" com acabamento prata vêm na XR, de 18" com acabamento cinza escuro ficarão para as intermediárias XRE e XRV, enquanto na de topo, a XRX, as de 18" têm acabamento diamantado.

O pacote Toyota Safety Sense (TSS) estará disponível apenas nas versões híbridas, por enquanto. Tal qual no sedã, o pacote traz farol alto automático, controle de velocidade adaptativo e assistente de frenagem autônoma com alerta de colisão que ganhou a função de detecção de pedestre e ciclista. Há ainda o assistente de permanência em faixa com correção de traçado se o ACC estiver ativado.

Outras novidades do conjunto são os sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, além do alerta de tráfego cruzado. É o sistema que avisa por meio de um sensor se há carros ou pedestres cruzando fora do campo de visão do motorista quando está saindo de uma vaga de ré.

O sistema de alerta de ponto cego tem dupla função: Se for um veículo passando ao lado, ele apenas mostra o sinal luminoso do retrovisor externo. Se o motorista do Corolla Cross estiver com a seta ligada, indicando que vai virar, além do ponto aceso no retrovisor ele dá um alerta sonoro.

Motores e câmbio

Os motores, como antecipados, serão os mesmos do Corolla sedã. Para as versões de entrada XR e XRE vem o 2.0 Dynamic Force que rende até 177 cv e 21,4 mkgf abastecido com etanol. Nas variantes XRV e XRX, entra o trem de força híbrido composto pelo motor 1.8 flexível de até 101 cv e 14,5 mkgf e o elétrico de 72 cv e 16,6 mkgf. Nos dois casos, o câmbio é o automático do tipo CVT e o transeixo, que funciona como um CVT, prezando pelo consumo.

Informações de consumo, associadas ao sistema de etiquetagem veicular do Inmetro, o Conpet, dão conta que o Corolla Cross, em condições de teste, faz até 17 km/l em trecho urbano na versão híbrida - que consegue trabalhar só em modo elétrico na cidade.

Edição especial de lançamento

No lançamento, a Toyota criou uma série especial baseada na XRX, a versão de topo. Além de todos os equipamentos que ela já tem as 1.200 unidades vão oferecer os seguintes acessórios: carregador de celular sem fio, soleira com o nome do carro, estribo lateral e bandeja de porta-malas. Esses itens poderão ser comprados posteriormente nas concessionárias para todas as versões. Essa série especial terá a pintura azul das imagens de divulgação da Tailândia.

Programa de venda

Como foi com o Corolla sedã, a Toyota está bastante conservadora com o Corolla Cross. O mix esperado é de 70% para as versões flexíveis e 30% para as versões híbridas. No caso do sedã chegou a ter espera de três meses no lançamento pelas opções híbridas, que tiveram pedido acima do esperado.

A marca espera que a versão XRE 2.0 seja responsável por 65% das vendas totais e a de topo XRX por 25%. O restante fica dividido entre XR (5%) e XRV (5%).

O Corolla Cross vai entrar também no programa "Ciclo Toyota". A marca promete a recompra pagando 80% da tabela Fipe. Para o SUV o programa deve ser com 20% de entrada (ou mais) e o saldo entre 12 e 48 parcelas. A parcela balão no final, ou residual, como algumas marcas chamam, varia entre 20% e 30% do valor.

Nesse caso, o cliente pode optar por pagar esse valor residual e ficar com o carro, ou dar de entrada em um novo Toyota ao fim das parcelas.

Notícias