PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

Governo de Goiás decreta Lei Seca para tentar frear transmissão de covid-19

Consumo e venda de bebidas alcoólicas está proibido das 22h às 6h - Getty Images
Consumo e venda de bebidas alcoólicas está proibido das 22h às 6h Imagem: Getty Images
do UOL

Do UOL, em São Paulo

26/01/2021 23h19

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), publicou hoje um decreto que proíbe a venda e o consumo de bebidas alcoólicas em locais públicos das 22h às 6h. A medida vale para todas as cidades do estado.

A proibição foi adotada como uma tentativa de reduzir a transmissão do novo coronavírus. Caiado se reuniu ontem por videoconferência com os prefeitos goianos e discutiu a possibilidade do decreto. No encontro, 95,7% dos 141 chefes do executivo municipal votaram a favor da implantação da medida no estado.

Em nota da Secom (Secretaria de Comunicação) de Goiás, o governador justificou a medida afirmando que bares, restaurantes, locais de festas e boates foram identificados como espaços de maior disseminação da covid-19. "E, se temos um vírus que se comporta com agressividade, é lógico que temos que estancar esse volume de contaminados", disse Caiado.

Ele explicou também que a nova cepa do vírus, com maior transmissibilidade, motivou a adoção da medida. "Isso demanda uma sobrecarga nos hospitais, de oxigênio, medicamentos e tudo mais. Não cabe a um governador, principalmente eu, que sou médico, ficar esperando as coisas acontecerem. Tenho que tomar providências", explicou.

O decreto estabelece que os estabelecimentos que descumprirem as regras estarão sujeitos a pagamento de multa, interdição e cancelamento do alvará sanitário. A fiscalização ficará a cargo das autoridades municipais.

Notícias