PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Turismo na Costa Rica caiu quase 70% em 2020 devido à pandemia

13/01/2021 17h02

San José, 13 Jan 2021 (AFP) - A Costa Rica recebeu em 2020 pouco mais de um milhão de turistas estrangeiros, o que representa um terço da média dos anos anteriores, devido ao impacto da pandemia de covid-19, informou o governo nesta quarta-feira (13).

Dados migratórios divulgados pelo Instituto Costarriquenho de Turismo (ICT) destacam que a chegada de visitantes estrangeiros teve uma recuperação gradativa a partir de agosto, quando o país passou a abrir suas fronteiras após o fechamento total de março, momento em que apareceram os primeiros casos de coronavírus.

O turismo é um dos motores da economia costarriquenha, que contribui com cerca de 10% do PIB e gerava 600 mil empregos diretos e indiretos antes da pandemia.

"As incertezas e restrições derivadas da pandemia causaram o colapso do turismo mundial e o país recebeu um terço dos turistas que normalmente caminham pela Costa Rica", disse o ministro do Turismo, Gustavo Segura, em comunicado.

Dados da instituição indicam que 71 mil visitantes estrangeiros entraram na Costa Rica em dezembro, quase o dobro de novembro, quando começa a alta temporada.

Para acelerar a entrada, o país eliminou a exigência de teste negativo de covid-19 em outubro e, em 1º de novembro, abriu totalmente suas fronteiras, eliminando as últimas restrições para os países mais atingidos pela pandemia.

Segura especificou que o aumento no número de visitantes ocorreu principalmente dos Estados Unidos e em menor medida da Europa, onde ainda existem limitações de mobilidade devido à disseminação da covid-19.

O país de 5 milhões de habitantes mantém um alto nível de contágio da covid-19. Desde o início da pandemia, já foram 181.093 casos e 2.367 mortes.

mas/mav/mr/ap/mvv

Notícias