PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Convenção de swing provoca 41 casos de contaminação por coronavírus nos EUA

Ao menos 41 pessoas contraíram a covid-19 após participarem de uma convenção de swing nos EUA - 1001nights/Getty Images
Ao menos 41 pessoas contraíram a covid-19 após participarem de uma convenção de swing nos EUA Imagem: 1001nights/Getty Images
do UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

03/12/2020 11h08

Em Nova Orleans, nos Estados Unidos, uma convenção de swing — troca de casais para fazer sexo — a qual se iniciou em 11 de novembro e durou quatro dias, resultou ao menos 41 pessoas que contraíram o novo coronavírus. Bob Hannaford, organizador do evento, publicou em um blog que a Naughty Events, empresa responsável pela convenção, conduziu os participantes a fazer o teste e encontrou neles um "comportamento agressivo".

A maioria das pessoas teve casos leves e outras foram assintomáticas. Porém, duas delas tiveram "tempos difíceis" e sofreram, disse Hannaford. Ele completa, dizendo que não tem certeza de quantos mais foram contaminados: "Não temos ideia de quantas pessoas foram testadas depois do evento, ou se alguém testou positivo e não nos contou".

A Naughty Events deu pulseiras para o evento para aqueles que provaram ter os anticorpos e também para os que mostraram um resultado negativo para a doença recentemente. Todos foram indicados a manterem a distância um do outro e usar máscara, mas, segundo Hannaford, alguns relaxaram um pouco nos cuidados com a saúde.

A convenção aconteceu no mesmo dia em que a terceira fase do plano de reabertura em Nova Orleans se iniciou. Os eventos em ambiente fechado têm um limite de 100 pessoas, e todas devem estar de máscara e manter distanciamento. Um porta-voz da cidade disse ao canal televisivo NBC News que o evento da Naughty Events não tinha permissão para acontecer.

Notícias