PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Cinco dos 11 internados em decorrência de acidente em Taguaí tiveram alta

Acidente entre um ônibus da Star e um caminhão entre Taguaí (SP) e Taquarituba (SP) deixou 41 mortos e 11 feridos. - Reprodução/TV Globo
Acidente entre um ônibus da Star e um caminhão entre Taguaí (SP) e Taquarituba (SP) deixou 41 mortos e 11 feridos. Imagem: Reprodução/TV Globo
do UOL

Do UOL, em São Paulo

26/11/2020 11h43

Cinco dos 11 internados em decorrência do acidente entre um ônibus e um caminhão em uma rodovia em Taguaí (SP) tiveram alta hospitalar após melhora clínica, segundo a Secretaria de Saúde do estado de São Paulo.

Dos seis que ainda seguem internados, um está no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu, dois estão na Santa Casa de Avaré, um no Pronto-socorro de Avaré e dois na Santa Casa de Itaí. Todas as unidades estão no interior de São Paulo.

O acidente, que aconteceu no km 172 da Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho (SP-249), entre Taguaí e Taquarituba (SP), na região de Avaré (SP), deixou 41 mortos.

Além das 11 pessoas que foram internadas em hospitais no interior de São Paulo, outras quatro pessoas chegaram a ser socorridas com vida do local do acidente, mas morreram "devido à gravidade clínica, antes mesmo de dar entrada nos serviços de saúde", segundo a secretaria.

O ônibus envolvido no acidente transportava funcionários da empresa têxtil Stattus Jeans, que diz que não tinha relação com o transporte dos empregados.

Para a Polícia Civil, o motorista do ônibus descreveu o momento da colisão com o caminhão.

De acordo com ele, um outro ônibus teria freado bruscamente à sua frente, fazendo-o ter que desviar e invadir a pista de sentido contrário. Em seguida, o freio do veículo que dirigia teria falhado.

Nesta manobra, teria batido no caminhão. Segundo apuração preliminar do Polícia Civil, o acidente teria sido causado por falha humana.

Notícias