PUBLICIDADE
Topo

Notícias

EDP Brasil lucra quase R$300 mi no 3° tri, queda de 15% na comparação anual

29/10/2020 09h06

Por Luciano Costa

SÃO PAULO (Reuters) - A elétrica EDP Brasil, do grupo português Energias de Portugal (EDP), registrou lucro líquido de 299,77 milhões de reais no terceiro trimestre, cerca de 15% abaixo do verificado no mesmo período do ano anterior, com um pior desempenho de sua área de distribuição de eletricidade, impactada pela pandemia.

Os lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) da companhia somaram 699,4 milhões de reais, recuo de 10,2% em base anual, de acordo com resultados divulgados na noite de quarta-feira.

O Ebitda ajustado, que desconsidera efeitos não-recorrentes, foi de 590,14 milhões de reais 19,4% superior ao verificado entre julho e setembro do ano passado, apontou a empresa.

Com negócios em geração, transmissão, distribuição e comercialização de eletricidade, a EDP Brasil registrou receita líquida consolidada de 3 bilhões de reais, contra 3,4 bilhões no mesmo período de 2019.

A área de distribuição da companhia registrou lucro líquido de 176,1 milhões de reais, contra 248,37 milhões no terceiro trimestre do ano anterior. O desempenho em geração também teve recuo, com ganho de 34,8 milhões, contra 53,5 milhões em 2019.

Já os negócios da EDP Brasil em comercialização de energia geraram ganhos de 15,7 milhões, contra 10,8 milhões no terceiro trimestre de 2019. Em transmissão também houve avanço, com lucro de 56,5 milhões, contra 27,9 milhões no ano anterior.

A companhia registrou investimentos (capex) de 477,5 milhões de reais entre julho e setembro, recuo de 15% ante mesmo período do ano anterior. No acumulado de 2020, os aportes somam 1,23 bilhão de reais, com queda de 22,8% frente a 2019.

COMPRA DE AÇÕES

A EDP Brasil havia anunciado em agosto um programa de recompra de ações e uma mudança na política de dividendos.

A companhia disse no balanço divulgado na quarta-feira que o programa "já vem sendo executado" e que já foram adquiridas até o momento "mais de 3 milhões de ações".

A companhia não divulgou detalhes sobre as operações de compra de papéis realizadas.

Na época da aprovação do plano, a EDP Brasil disse que a recompra envolveria até 24,8 milhões de ações ordinárias em um prazo de 18 meses.

Notícias