PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Milhares de pessoas em mobilização contra a França na capital de Bangladesh

27/10/2020 06h31

Dacca, 27 Out 2020 (AFP) - Dezenas de milhares de pessoas participaram nesta terça-feira em uma mobilização na capital de Bangladesh para pedir o boicote de produtos franceses e queimaram cartazes com o rosto do presidente Emmanuel Macron, depois que ele defendeu a publicação de charges do profeta Maomé.

A polícia calculou que mais de 40.000 pessoas participaram na passeata organizada pelo Partido Islamita, que foi interrompida antes de aproximação da embaixada francesa em Dacca.

Centenas de policiais estabeleceram barreiras com arame farpado para bloquear os manifestantes, que se dispersaram sem incidentes.

Macron é alvo de manifestações em vários países depois de prometer que a França continuaria defendendo a publicação de caricaturas satíricas como as do profeta Maomé, durante uma homenagem nacional na semana passada ao professor decapitado em um atentado islamita em 16 de outubro por ter mostrado as imagens a seus alunos.

A Turquia lidera os protestos no mundo muçulmano e seu presidente Recep Tayyip Erdogan convocou um boicote dos produtos franceses. Ele questionou a "saúde mental" de Macron após os comentários do presidente francês, que recebeu o apoio de vários países europeus.

sa/tw/rma/mar/zm/fp

Notícias