PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Empresa de recuperação de crédito Paschoalotto pede registro para IPO

21/10/2020 14h38

Por Aluisio Alves

SÃO PAULO (Reuters) - A Paschoalotto pediu registro para uma oferta inicial de ações (IPO), com a empresa especializada em recuperação de crédito buscando recursos para financiar planos de expansão, de olho no mercado de dívidas em atraso, que deve explodir no Brasil na esteira dos efeitos da pandemia da Covid-19.

No prospecto preliminar da operação protolocado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a companhia com sede em Bauru, interior paulista, afirma que pretende usar os recursos com a venda de ações novas para investir em crescimento orgânico e para adquirir rivais.

A transação também servirá para que atuais sócios da empresa criada em 2003 vendam participação no negócio, incluindo um fundo da Gávea Investimentos, que investiu na companhia em 2015.

A Paschoalotto teve receita líquida de 418,3 milhões de reais nos primeiros nove meses de 2020, alta de 28% ante mesma etapa do ano passada. O lucro ficou praticamente estável nos mesmos períodos de comparação, a 27,5 milhões de reais, com margem Ebitda de 23,4%.

Se concluir seu plano, a Paschoalotto será a primeira com atuação específica no setor a ser listada na bolsa paulista.

Notícias