PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Governo de SP lança plano com previsão de R$ 36 bi em investimento em 2021 e 2022

Governador de São Paulo, João Doria (PSDB) - ANTONIO MOLINA/ZIMEL PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Governador de São Paulo, João Doria (PSDB) Imagem: ANTONIO MOLINA/ZIMEL PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Pedro Caramuru e Nicholas Shores

São Paulo

16/10/2020 14h02

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou hoje um programa de captação de R$ 36 bilhões para investimentos em infraestrutura. De acordo com o governador, o Plano Retomada 2021/22 prevê a criação de 2 milhões de empregos em quatro anos.

O plano engloba 19 projetos de concessões e parcerias público-privadas, entre ferrovias, metrô, rodovias, aeroportos e hidrovias em 14 polos econômicos no Estado. "É o mais audacioso plano de desenvolvimento econômico já realizado em São Paulo", afirmou o governador paulista.

O secretário estadual da Fazenda e Planejamento de São Paulo, Henrique Meirelles, afirmou que mais da metade dos R$ 36 bilhões em investimentos de infraestrutura previstos pelo Plano Retomada 2021/22 serão no setor de transportes.

Segundo Meirelles, 51% dos recursos serão em transportes, 33% em rodovias, 8% em segurança, 3% em lazer, 4% em educação e 1% em parques.

Entre os projetos, está o trem intermunicipal entre São Paulo e Campinas. O projeto tem investimento previsto de US$ 1,4 bilhão e previsão de 565 mil passageiros por dia. A concessão das linhas 8 e 9 da Companhia Paulista de Trens Metropolitana (CPTM) também está inclusa no portfólio com investimento de US$ 500 milhões. O projeto inclui também a concessão de rodovias do litoral paulista por US$ 600 milhões e a desestatização de 22 aeroportos regionais por US$ 80 milhões.

Notícias