PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Mais de 40°C: 8 cidades do interior de São Paulo batem recorde de calor

Termômetro de rua marca até 39ºC na cidade de São Paulo ontem; onda de calor deve continuar - CESAR CONVENTI/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
Termômetro de rua marca até 39ºC na cidade de São Paulo ontem; onda de calor deve continuar Imagem: CESAR CONVENTI/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
do UOL

Do UOL, em São Paulo

01/10/2020 09h51

Outubro começou quente no Brasil. No estado de São Paulo, é esperado que a capital bata hoje o recorde de calor com 38°C. Enquanto isso, oito cidades do interior registraram recordes históricos de calor no último dia de setembro.

Segundo o site Climatempo, Lins, Ibitinga, Jales, Votuporanga, Catanduva, Presidente Prudente, Bauru e São Simão bateram recordes ontem, todas superando os 40°C.

Veja abaixo a temperatura de ontem e os recordes anteriores em cada uma das cidades:

  • Lins: 41,9°C (recorde anterior: 40,5°C em 17/10/2014)
  • Ibitinga: 41,7°C (recorde anterior: 39,7°C em 17/10/2014)
  • Jales: 41,7°C (recorde anterior: 40,9°C em 30/10/2012)
  • Votuporanga: 41,3°C (recorde anterior: 41,2°C em 30/10/2012)
  • Catanduva: 41,2°C (recorde anterior: 40,5°C em 29/9/2020)
  • Presidente Prudente: 40,7°C (recorde anterior: 40,0°C em 26/9/1963)
  • Bauru: 40,4°C (recorde anterior: 39,6°C em 14/10/2014)
  • São Simão: 40,4°C (recorde anterior: 40,3°C em 16/10/2012)

Por enquanto, a maior temperatura já registrada pelo INMET (Instituto Nacional de Meteorologia) em São Paulo, desde 1943, foi de 37,8°C em 17 de outubro de 2014.

A previsão do Inmet para a semana iniciada em 28 de setembro até 5 de outubro é de temperatudas elevadas, com máximas acima dos 30°C em praticamente todo o Brasil — podendo superar os 40°C na região central — e mínimas entre 14 e 26°C.

Notícias