PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Mexicano que já foi o homem mais gordo do mundo se recupera da covid-19

Juan Pedro Franco chegou a pesar 595 kg (foto); hoje, tem cerca de 208 kg - ULISES RUIZ
Juan Pedro Franco chegou a pesar 595 kg (foto); hoje, tem cerca de 208 kg Imagem: ULISES RUIZ
do UOL

Do UOL, em São Paulo

23/09/2020 20h13

O mexicano Juan Pedro Franco chegou a entrar para o Livro dos Recordes como o homem mais gordo do mundo, graças ao peso que atingiu em 2016: 595 kg. Hoje, quase 400 kg mais magro, o peso não é o único motivo que o mexicano tem para comemorar: Franco foi diagnosticado com o novo coronavírus e está curado.

Franco, de 36 anos, pesa atualmente cerca de 208 kg, graças a um tratamento que incluiu cirurgias e dietas. Depois de passar anos preso a uma cama, ele voltou a caminhar.

Há cerca de um mês, segundo a agência de notícias AFP, o mexicano recebeu o diagnóstico positivo para a covid-19. E conseguiu se curar, mesmo enfrentando a obesidade, a diabetes e a hipertensão.

"É complicado, porque é uma enfermidade muito agressiva. Tive dor de cabeça, no corpo, falta de ar, febre. Era uma pessoa com muito risco", disse ele em sua casa, no estado mexicano de Aguascalientes.

O médico que cuida do peso de Juan Pedro Franco, José Antonio Castañeda, alertou que pacientes com problemas cardíacos, diabetes e hipertensão "são mais suscetíveis a sofrer complicações graves". Para Franco, o tratamento contra a obesidade foi fundamental a vencer a covid-19, uma vez que a diabetes e a hipertensão estavam mais controladas.

De acordo com dados da Universidade Johns Hopkins, nos EUA, o México já contabilizou 705.263 casos do novo coronavírus desde o início da pandemia. Deste total, 598.953 pacientes se recuperaram, enquanto 74.348 morreram.

Notícias