PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Jovem ciclista esloveno estreante surpreende e vence Volta da França de 2020

20/09/2020 14h29

Há dois dias da etapa final da Volta da França, os vencedores da edição 2020 do mais importante torneio ciclista do mundo pareciam definidos. Mas a façanha do jovem Tadej Pogacar, de apenas 21 anos, na etapa desse sábado (19) mudou completamente o resultado e ele cruzou a linha de chegada neste domingo (20) na avenida do Champs Elysées, em Paris, como o segundo mais jovem campeão da Volta da França.

Há dois dias da etapa final da Volta da França, os vencedores da edição 2020 do mais importante torneio ciclista do mundo pareciam definidos. Mas a façanha do jovem Tadej Pogacar, de apenas 21 anos, na etapa desse sábado (19) mudou completamente o resultado e ele cruzou a linha de chegada neste domingo (20) na avenida do Champs Elysées, em Paris, como o segundo mais jovem campeão da Volta da França.

Com informações de Hernando Sánchez, da RFI

Antes da final deste domingo, Tadej Pogacar se definia simplesmente como um "jovem esloveno que tem dois irmãos e uma irmã". Ele nunca imaginou que poderia vencer a Volta da França. Agora, ele tem uma grande carreira pela frente.

Na penúltima etapa do torneio ontem, ele tinha 57 segundos de desvantagem. Mas fez um contra-relógio impressionante e derrotou o compatriota Primoz Roglic por 1'56'. Conquistou a camisa amarela de campeão e fez história no ciclismo. Ele terminou o contra-relógio de 36,3 km em 55h55, ou seja, com uma média de 39,5 km/h.

Roglic, que tinha sido muito sólido ao longo de toda a corrida e era dado como vencedor não teve um bom desempenho na penúltima etapa e ficou em segundo lugar no resultado final. "Deve ser muito difícil para Roglic. Eu não sei o que aconteceu com ele", disse Pogocar em entrevista coletiva no sábado.

Supremacia eslovena

Se a edição de 1989 ficou para a história porque Greg Lemond arrancou a vitória de Laurent Fignon por apenas 8 segundos (que continua sendo a menor margem da história) numa última etapa em Paris, o contra-relógio desse sábado também entrará para os anais do ciclismo.

"Estou sonhando, não sei o que dizer", disse Pogacar que disputou a Volta da França pela primeira vez e fará 22 anos na segunda-feira (21).Tadej Pogacar foi o primeiro esloveno a ganhar a Volta da França e o segundo mais novo da história, depois de Henri Cornet, que tinha 19 anos quando venceu a segunda edição da prova... em 1904.

A tradicional cerimônia de chegada dos ciclistas da 107ª Volta da França na Champs Elysées em Paris aconteceu com público reduzido. Devido à pandemia de Covid-19, apenas 5.000 pessoas foram autorizadas a participar do evento. O dispositivo diminuiu a animação da festa, mas não o orgulho da Eslovênia que teve o pódio dominado por seus dois ciclistas, sob os aplausos do presidente esloveno Borut Pahor, que assistiu à cerimônia.

Notícias