PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Schelp: Queimadas no Pantanal expõem postura reativa do governo no ambiente

do UOL

Do UOL, em São Paulo

18/09/2020 04h00

Em meio ao rastro de devastação deixado pelas queimadas no Pantanal, chama a atenção a demora da gestão Jair Bolsonaro (sem partido) em reagir, avalia o colunista do UOL Diogo Schelp. "Esse é um governo muito reativo, esse problema já vem acontecendo há alguns meses, vem se agravando, e só nesta semana o governo resolveu reconhecer sua gravidade", afirmou no podcast Baixo Clero #57, ao lado de Carla Biggatto e Carolina Trevisan (ouça a partir do minuto 22:50).

"Um governo que não se preocupa com medidas preventivas e com fiscalização ambiental vai ser sempre reativo quando o problema sair do controle", disse o jornalista no episódio, que lembrou ainda fala do vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB), que afirmou que dados do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) sobre queimadas só são divulgados quando são negativos ao governo, minimizando o ocorrido.

"Não faz sentido [a fala de Mourão]", classificou Schelp. "Ele está culpando o mensageiro em vez de falar do próprio problema em si. Os números são realmente recordes. Setembro nem acabou e já bateu o recorde de queimadas desde que se tem registro. Não adianta o vice-presidente Mourão ficar reclamando da divulgação de dados negativos até porque esses dados são públicos". (ouça a partir do minuto 19:17).

O jornalista trouxe dados para conversa ao apontar que "o governo reduziu em 58% o orçamento para prevenção e combate a incêndios florestais do ano passado até agora". De acordo com Schelp, "as multas para quem inicia incêndios e que depois saem do controle também caíram drasticamente. Tem questões climáticas que agravam o problema, mas o governo não pode dizer que se esforçou para minimizar esses problemas", completou. (ouça a partir do minuto 20:30).

"Bolsonaro vive falando do potencial turístico do país, mas tem esse patrimônio que é tratado dessa maneira", lamentou.

Carolina Trevisan sustentou que o há uma "desconexão com a realidade", já que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não tem dado a devida importância ao assunto, se preocupando mais com as eleições municipais.

"O fogo está lá acontecendo neste momento, já se sabe que é fogo criminoso, que tem a ver com os grandes fazendeiros porque no Pantanal não tem fazendeiro pequeno, e o presidente Bolsonaro em vez de ir até lá enfrentar essa situação, esse problema, está fazendo campanha no Nordeste", criticou (ouça a a partir do minuto 20:20).

"É uma desconexão com a realidade. Uma tentativa de criar uma realidade paralela que não existe. E isso vai impactar na economia aqui do Brasil. Eu não entendo esse tipo de estratégia", disse a jornalista.

Baixo Clero está disponível no Spotify, na Apple Podcasts, no Google Podcasts, no Castbox, no Deezer e em outros distribuidores. Você também pode ouvir o programa no YouTube. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Notícias