PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Furacão atinge oeste da Grécia e provoca chuvas torrenciais

Furacão no Mediterrâneo teve chuvas torrenciais e ventos de até 117 km/h - Reuters
Furacão no Mediterrâneo teve chuvas torrenciais e ventos de até 117 km/h Imagem: Reuters

Em Atenas

18/09/2020 07h31

Um furacão incomum no Mediterrâneo, com chuvas torrenciais e ventos de até 117 km/h que causaram cortes de energia, atingiu hoje as ilhas jônicas gregas, no oeste do país, informou a Defesa Civil.

"Árvores estão caindo por toda a parte", disse o prefeito das ilhas jônicas, Rodi Kratsa, à televisão pública.

Em nenhuma dessas ilhas, como Zante ou Cefalônia, houve registro de vítimas, acrescentou.

O furacão, apelidado de Ianos, "atingirá o oeste (da Grécia) com a mesma intensidade por seis a nove horas e, então, se moverá para o sul", disse Kratsa.

O fenômeno causou a suspensão de dois voos da Ryanair que deveriam pousar em Cefalônia e foram desviados para Atenas. O transporte marítimo para a ilha também foi suspenso.

Houve ainda queda de energia nas ilhas de Ítaca e Zante, enquanto Corfu e Leucade foram menos afetadas.

A Grécia já sofreu um furacão no Mediterrâneo em 2018, que causou duas mortes.

Notícias