PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Piscina de pedra de 40 metros de mais de 2.400 anos é descoberta na Itália

Piscina de pedra do século 4 a.C. é descoberta em Roma - Divulgação/Museu Nacional de Roma
Piscina de pedra do século 4 a.C. é descoberta em Roma Imagem: Divulgação/Museu Nacional de Roma
do UOL

Do UOL, em São Paulo

16/09/2020 09h32Atualizada em 16/09/2020 11h26

Uma piscina de pedra de 40 metros construída no século 4 a.C. foi encontrada próximo ao bairro litorâneo de Óstia, em Roma, na Itália. A descoberta arqueológica foi divulgada na última quarta-feira (9).

"Outro sucesso da arqueologia preventiva, essencial para não dispersar o nosso passado, e para proteger e valorizar territórios que, caso contrário, permanecerão desconhecidos", disse a superintendente especial de Roma, Daniela Porro, em comunicado.

"Uma descoberta que renova o espanto em relação a Roma e às infinitas histórias que ainda tem por contar", continuou ela sobre a construção classificada como "extraordinária" pelo Museu Nacional de Roma.

A piscina pode ter tido outras funções que não o banho, segundo os arqueólogos - Divulgação/Museu Nacional de Roma - Divulgação/Museu Nacional de Roma
A piscina pode ter tido outras funções que não o banho, segundo os arqueólogos
Imagem: Divulgação/Museu Nacional de Roma

A função da piscina ainda não foi descoberta, já que é a primeira do tipo. De acordo com os pesquisadores, o local pode ter sido usado como reservatório de água, tanque de decantação ou área para realização de rituais e plantio.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do publicado no título e na matéria, a piscina é do século 4 a.C., anterior à formação do Império Romano, como informado incorretamente na primeira versão. A informação foi corrigida.

Notícias