PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Casa Branca está aberta proposta de solução na briga sobre auxílio por coronavírus

16/09/2020 08h41

Por Patricia Zengerle e David Morgan

WASHINGTON (Reuters) - A presidente da Câmara dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, disse nesta terça-feira que os democratas estão abertos a adiar o recesso de outubro para chegar a um acordo com os republicanos sobre um novo projeto de auxílio pelo coronavírus, enquanto a Casa Branca sinalizou que uma proposta de 1,5 trilhão de dólares revelada por parlamentares moderados merece consideração.

Com as eleições presidenciais e parlamentares dos EUA a menos de dois meses, o Congresso e a Casa Branca não conseguiram chegar a um acordo sobre um quinto projeto de lei de ajuda em resposta ao coronavírus, depois de terem aprovado medidas no valor de mais de 3 trilhões de dólares mais cedo neste ano.

"Estamos comprometidos em ficar aqui até que tenhamos um acordo", disse Pelosi, uma democrata, em entrevista à CNBC, acrescentando que havia desacordos com os republicanos sobre como "esmagar o vírus" que já matou cerca de 195 mil pessoas nos Estados Unidos.

O presidente norte-americano, Donald Trump, disse que estava tentando chegar a um acordo com os democratas sobre estímulos adicionais. "Pouco antes de eu vir para cá, tivemos algumas boas conversas com os democratas, veremos", disse ele em evento da ABC News na Filadélfia.

Notícias