PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Piloto de hidroavião português morre em acidente na fronteira espanhola

08/08/2020 14h12

Lisboa, 8 Ago 2020 (AFP) - Um hidroavião português caiu neste sábado na Espanha enquanto combatia um incêndio na fronteira norte de Portugal, matando um de seus dois pilotos e ferindo gravemente o segundo, um cidadão espanhol, anunciou a Defesa Civil.

Um dos pilotos, um português de 65 anos, morreu no local após a chegada dos serviços de emergência. O outro aviador, um espanhol de 39 anos, ficou gravemente ferido e foi levado às pressas para o hospital de Viana do Castelo, extremo noroeste de Portugal.

"O acidente ocorreu em território espanhol, a um ou dois quilômetros da fronteira", disse a Autoridade Nacional de Defesa Civil em um comunicado.

O aparelho do tipo Canadair "bateu em uma área montanhosa desabitada após manobra de carregamento de água", explicou à AFP o comandante Pedro Araujo.

Este avião português lutava contra um incêndio que eclodiu na manhã de sábado na comuna do Lindoso, no centro do Parque Nacional da Peneda-Gerês, na fronteira com a região espanhola da Galiza.

No momento do incidente, sete aeronaves portuguesas e quatro espanholas tentavam controlar o fogo.

Imagens gravadas logo após o acidente por um bombeiro espanhol, e reproduzidas pela mídia portuguesa, mostram o avião amarelo danificado e fumegando sobre um maciço rochoso.

Mais de uma centena de bombeiros portugueses seguem mobilizados para apagar o incêndio.

tsc/mr/bc/eg/mr

Notícias