PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Rússia registra mais 5,2 mil casos de infecção pelo novo coronavírus

Jovens andando nas ruas de Moscou, na Rússia, durante pandemia - Valery Sharifulin / TASS
Jovens andando nas ruas de Moscou, na Rússia, durante pandemia Imagem: Valery Sharifulin / TASS

06/08/2020 14h01

A Rússia registrou nesta quinta-feira mais 5.267 casos de infecção pelo novo coronavírus, o que eleva o total no país desde o início da pandemia da covid-19 para 871.894, enquanto foram contabilizadas 116 mortes nas últimas 24 horas.

Com isso, segundo balanço apresentado pelas autoridades locais, 14.606 pessoas já morreram no território russo em decorrência do contágio pelo patógeno.

De ontem para hoje, Moscou, que é o epicentro da pandemia na Rússia, foi onde se verificou o maior número de casos no boletim desta quinta-feira, 684.

Os integrantes do governo da capital do país, nos últimos dias, têm sido firmes ao garantir que não pretendem impor um novo confinamento obrigatório na cidade, por considerar que o pico de infecções já foi superado.

Segundo a prefeitura de Moscou, os novos casos diários variarão entre 500 e 800 até que seja disponibilizada uma doença que combata o novo coronavírus.

Fontes da administração municipal garantiram que a situação está sob controle, mas que seguem buscando reduzir as infecções para zero. A análise, no entanto, é que a missão é quase impossível, devido ao grande fluxo de pessoas que circulam na cidade.

Atualmente, a Rússia ocupa o quarto lugar entre os países com resultados positivos em testes para o novo coronavírus, atrás apenas de Estados Unidos, Brasil e Índia.

Notícias