PUBLICIDADE
Topo

Notícias

EUA registram 4,8 milhões de postos de trabalho em junho e desemprego cai a 11,1%

02/07/2020 11h18

Washington, 2 Jul 2020 (AFP) - A economia americana criou 4,8 milhões de postos de trabalho em junho e a taxa de desemprego registrou queda de mais de dois pontos, 11,1%, à medida que muitos estabelecimentos comerciais reabriram as portas, de acordo com dados publicados nesta quinta-feira pelo Departamento do Trabalho.

Mas a recuperação está ameaçada, em um momento de aumento dos casos de coronavírus no sul e oeste do país, o que pode provocar mais demissões. O relatório inclui dados apenas da primeira quinzena do mês.

Outro relatório mostra que foram registradas 1,43 milhão de demissões, de acordo com os dados semanais dos novos pedidos de seguro-desemprego.

A taxa de desemprego confirmou um segundo mês de baixa, superando as expectativas dos analistas, mas este indicador também depende, assim como o conjunto da economia, do controle da pandemia, que nos Estados Unidos provocou mais de 128.000 mortes.

O confinamento para tentar conter o avanço do vírus fez a taxa de desemprego subir de 3,5% em fevereiro a 14,7% em abril, que em maio caiu para 13,3%.

"Esta melhora no mercado de trabalho reflete a contínua recuperação da atividade, que caiu em março e abril devido à pandemia da COVID-19, e os esforços para contê-la", afirmou o Departamento do Trabalho em um comunicado.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não perdeu tempo e celebrou os números.

"O anúncio de hoje mostra que nossa economia está voltando a rugir", afirmou Trump, que destacou que algumas áreas do país ainda estão apagando "as chamas" provocadas pelo coronavírus.

an/gm/fp

Notícias