PUBLICIDADE
Topo

Estudantes dos EUA fazem festa para ver quem pega covid-19 primeiro

AFP
Imagem: AFP
do UOL

Do UOL, em São Paulo

02/07/2020 11h11

Estudantes em Tuscaloosa, no estado do Alabama, nos Estados Unidos, estão fazendo festas para ver quem pega o novo coronavírus primeiro, de acordo com o site da ABC News.

Em um tipo de "competição", os jovens se reúnem para serem infectados por quem já testou positivo para a covid-19, afirmou Sonya McKinstry, vereadora na cidade. Os organizadores das festas convidam, de propósito, pessoas que têm o novo coronavírus.

"Eles colocam dinheiro em um pote e tentam pegar covid-19. Quem for infectado primeiro ganha o pote. Não faz sentido", ela afirma. "Eles estão fazendo isso intencionalmente."

Segundo o chefe dos bombeiros de Tuscaloosa, Randy Smith, várias festas desse tipo foram realizadas na cidade e na região nas últimas semanas.

"Achamos que isso era um boato, a princípio", ele disse. "Fizemos algumas pesquisas. Não apenas os consultórios médicos confirmam, mas o estado também afirmou que tinha recebido a mesma informação".

Não ficou claro se os alunos positivos para covid-19 chegaram a infectar alguém nas festas de que participaram.

"Estamos tentando acabar com todas as festas que chegam ao nosso conhecimento", disse McKinstry à ABC News, observando que os estudantes infectados estão obviamente desconsiderando as diretrizes de saúde pública para a pandemia.

Ontem, o Alabama registrou 38.422 casos de covid-19, um aumento de 10.696 nos últimos 14 dias, segundo dados fornecidos pelo Departamento Estadual de Saúde Pública. Pelo menos 947 pessoas já morreram no Alabama devido ao vírus.

Notícias