PUBLICIDADE
Topo

Reservas de petróleo nos EUA caem mais que o previsto e preços sobem

01/07/2020 17h46

Nova York, 1 Jul 2020 (AFP) - As reservas comerciais de petróleo nos Estados Unidos caíram 7,2 milhões de barris na semana passada, bem acima das expectativas do mercado, e os preços subiram nesta quarta-feira.

De acordo com o relatório semanal da Agência de Informação Energética dos EUA (EIA), publicado nesta quarta-feira, as reservas de petróleo, que atingiram um nível recorde pela segunda semana consecutiva na semana anterior, situavam-se em 533,5 milhões de barris (mb) no dia 26 de junho.

Os analistas esperavam uma queda de 500.000 barris, longe dos números da EIA.

"O número de barris refinados, acima de 14 milhões de barris pela primeira vez desde o final de março, bem como a queda nas importações e exportações que permanecem acima de três milhões de barris por dia, levaram à maior queda nas reservas este ano", disse Matt Smith, da ClipperData.

Os mercados reagiram positivamente.

O barril de Brent do Mar do Norte para entrega em setembro, em seu primeiro dia como contrato de referência, terminou em US$ 42,03 em Londres, alta de 1,8% no fechamento de terça-feira.

Em Nova York, o barril do WTI para entrega em agosto subiu 1,4%, a US$ 39,82.

dho/vog/mr/dga/cc

Notícias