PUBLICIDADE
Topo

Conferência para a Síria alcança 6,9 bilhões de euros em compromissos de ajuda

30/06/2020 14h03

Bruxelas, 30 Jun 2020 (AFP) - Uma conferência de doadores para ajudar os refugiados sírios organizada nesta terça-feira pela UE e pela ONU levantou 6,9 bilhões de euros (US$ 7,7 bilhões), dos quais 4,9 bilhões para o ano de 2020, anunciou a Comissão Europeia.

"Os compromissos totalizam 6,9 bilhões de euros, ou 7,7 bilhões de dólares, incluindo 4,9 bilhões de euros para 2020 e mais 2 bilhões de euros para 2021", disse o comissário Janez Lenarcic ao final da conferência.

As necessidades financeiras foram estimadas em US$ 10 bilhões, havia indicado o subsecretário-geral da ONU para Assuntos Humanitários, Mark Lowcock.

Os compromissos dos países doadores foram complementados por empréstimos de instituições financeiras internacionais no valor de 6 bilhões de euros (US$ 6,7 bilhões), segundo o comissário Lenarcic.

"Quero enfatizar que o evento de hoje ocorre em um momento particularmente difícil, pois o impacto da pandemia de COVID-19 está resultando em um enorme aumento das necessidades humanitárias em todo o mundo e é evidente que isso tem um impacto profundo nas economias dos doadores", afirmou.

"Nesse contexto preocupante, podemos ficar ainda mais satisfeitos com a promessa de apoio global", concluiu.

Os fundos prometidos devem ajudar os cerca de 12 milhões de sírios refugiados em países vizinhos ou deslocados internamente, disse o representante do ACNUR, Filippo Grandi.

csg/fmi/sg/mr

Notícias