PUBLICIDADE
Topo

Cerveja em pet shop? Bar clandestino é descoberto em cidade no RJ

30/06/2020 17h24

Por Pedro Fonseca

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Portão fechado, mas barulho de pessoas no interior, e logo ao lado uma loja de animais aberta, com as luzes acesas e sem nenhum cliente. Um porta lateral revela o segredo: um bar lotado que funcionava clandestinamente na cidade de Petrópolis, no interior do Rio de Janeiro, durante a pandemia de coronavírus.

Autoridades municipais descobriram o funcionamento clandestino do bar durante operação de fiscalização na noite de sexta-feira, após receberem denúncias de moradores. De acordo com a prefeitura, 16 clientes estavam no local no momento da chegada dos agentes da equipe de fiscalização, todos sem máscara.

"Ele (o proprietário) atendia os clientes com a porta fechada sabendo que não poderia abrir. O acesso era feito pela entrada do pet shop", disse por telefone nesta terça-feira um porta-voz da Prefeitura de Petrópolis, cuja equipe de fiscalização gravou um vídeo do momento da descoberta do local.

No cadastro municipal, o estabelecimento consta apenas como bar, mas a pet shop foi aberta de forma irregular, de acordo com nota da prefeitura. As regras municipais para funcionamento de estabelecimentos comerciais autorizam a abertura de pet shops durante a pandemia, mas não de bares.

Após ter o funcionamento clandestino descoberto pelas autoridades, o dono do bar foi multado em 800 reais, e o estabelecimento foi interditado pela equipe de fiscalização. A pet shop também foi fechada.

"O estabelecimento ainda foi autuado pelo Procon municipal, por expor os 16 consumidores que estavam no local ao risco de contágio do novo coronavírus", afirmou a prefeitura em nota oficial, acrescentando que desde 22 de junho restaurantes estão autorizados a funcionar dentro do plano de retomada das atividades econômicas da cidade, mas bares não.

Petrópolis, com 300 mil habitantes, fica a cerca de 70 quilômetros da capital fluminense, na Região Serrana do Estado. A cidade tem 812 casos confirmados de Covid-19 e 92 mortes em decorrência da doença provocada pelo novo coronavírus, de acordo com dados do Ministério da Saúde atualizados até segunda-feira.

O Rio de Janeiro é o segundo Estado mais afetado pela Covid-19 no país, com mais de 110.000 casos confirmados e quase 10.000 óbitos.

Notícias