PUBLICIDADE
Topo

Rússia registra recorde diário de mortes por coronavírus

Mulher usando máscara devido ao coronavírus na Catedral de Cristo Salvador no centro de Moscou, capital da Rússia - ALEXANDER NEMENOV/AFP
Mulher usando máscara devido ao coronavírus na Catedral de Cristo Salvador no centro de Moscou, capital da Rússia Imagem: ALEXANDER NEMENOV/AFP

22/05/2020 06h21

A Rússia anunciou hoje um novo recorde para o número de mortes por infecção por novo coronavírus em um único dia, com 150 vítimas, embora a epidemia permaneça estável no número de novas infecções.

No total, 3.249 pessoas morreram desde o início da pandemia na Rússia, segundo dados oficiais.

O país registrou 8.894 novas infecções em 24 horas, totalizando 326.448 casos detectados de covid-19.

A situação do maior país do mundo varia de acordo com a região. Moscou é o epicentro da epidemia e, no Daguestão, uma república pobre do Cáucaso, há uma "catástrofe" na saúde que forçou as autoridades a reagirem.

A situação parece estável, porém, e por vários dias o número de novas infecções permaneceu abaixo de 9.000.

Na quarta-feira, pela primeira vez, o país registrou queda no número de pacientes (-633). O número de pessoas consideradas curadas chega a 99.825, de um universo de 223.374 contaminados pelo coronavírus.

Várias autoridades russas contraíram a covid-19, como o primeiro-ministro Mikhail Mishustin, já curado, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, além de ministros e deputados.

Notícias