PUBLICIDADE
Topo

Dante Alighieri cria alternativas contra isolamento em SP

02/04/2020 15h06

SÃO PAULO, 02 ABR (ANSA) - Por Luciana Ribeiro - Diante da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2), que tem feito o mundo inteiro anunciar medidas de isolamento social, escolas públicas e particulares suspenderam as aulas presenciais e estão adotando diferentes estratégias para disponibilizar métodos inovadores de ensino aos estudantes.   


O Colégio Dante Alighieri, em São Paulo, criou um complexo ecossistema de ensino à distância que, além de fornecer aulas ao vivo, conta com diversas atividades para estimular a interatividade e o interesse cultural dos alunos.   


Com 4,6 mil estudantes, a instituição já apostava na plataforma open source Moodle para disponibilizar conteúdos digitais para os alunos desde 2001. Mas agora as aulas ao vivo estão sendo feitas com a plataforma Webex, da Cisco, o que permite uma interação inteligente e organizada entre professores e alunos, todos online ao mesmo tempo. "É uma ferramenta que traz alguns elementos imprescindíveis para uma boa mediação da sala de aula virtual, porque senão correria o risco de ser apenas um 'delivery' de conteúdo, e não é isso que a gente propõe", contou à ANSA a diretora-geral educacional do Dante Alighieri, Valdenice Minatel. A interface conta com uma ferramenta que dá voz ao estudante de uma forma sequencial, um chat multidirecional e unidirecional, para quem não quer expor a dúvida para todos, além de medir o engajamento dos alunos.   


Para a diretora-geral educacional, o mais importante é que esse modelo ajuda "os alunos a terem uma conexão com a sua aprendizagem". "A gente sempre falou que a tecnologia estava distanciando as pessoas, e agora ela é o pilar para aproximar", afirmou Minatel.   


Além disso, durante o isolamento domiciliar, o Dante Alighieri aproveitará que diversos museus da Itália estão disponibilizando passeios virtuais gratuitos e fará um tour com seus alunos. A visita guiada on-line será feita ao Museu Egípcio de Turim.   


Chamado "Passeio do Diretor", o tour ao acervo do museu italiano está disponível para todas as pessoas do mundo de maneira gratuita e é acompanhada pelo diretor do Museu, Christian Greco.   


A atividade é transmitida online todas as quintas-feiras e sábados, nos meses de março e abril, no YouTube. Na visita é possível conhecer as obras expostas no museu, além de curiosidades de um setor escolhido pelo diretor do local. Em entrevista à ANSA, Minatel informou que, em meio à exigência de adaptação no método de ensino, o tour virtual é muito importante", principalmente porque já estavam planejadas saídas de campo antes da pandemia, como uma visita à mostra do Museu Egípcio de Turim no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), em São Paulo. "O tour é muito importante. Mas não é simplesmente um tour virtual. Você precisa ter uma proposta pedagógica. E, por isso, é importante a valorização do papel do professor nesse momento", finalizou Minatel, citando que também existe uma gama de recursos digitais de realidade imersiva que podem ser utilizados para favorecer o aprendizado.   


Instituto Italiano de Cultura - Além do Dante Alighieri e de outras escolas do país, o Instituto Italiano de Cultura do Rio de Janeiro também está oferecendo todos os seus cursos de idioma na modalidade online.   


De acordo com a diretora Livia Raponi, a iniciativa é "importante e renova o comprometimento da instituição com sua missão, além de garantir a continuidade das atividades de ensino e promoção da língua e da cultura da Itália" em meio à pandemia do novo coronavírus. Apesar do novo método de ensino, o corpo docente, os materiais didáticos e a abordagem comunicativa dos cursos presenciais serão mantidos. Todas as aulas serão realizadas por meio da plataforma Zoom, onde o estudante consegue interagir com os professores e outros alunos.   


Além disso, quem optar pelo ensino à distância terá acesso gratuito aos recursos pedagógicos da Icon (Italian Culture On Net), uma plataforma com material didático sobre as principais áreas de estudo da cultura italiana.   


"Decidimos não interromper nossa atividade didática no primeiro semestre. Pelo contrário, vamos potencializar ainda mais sua oferta formativa", concluiu Raponi. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Notícias