PUBLICIDADE
Topo

Israel confirma segundo caso de coronavírus entre repatriados de navio no Japão

23/02/2020 18h42

Jerusalém, 23 Fev 2020 (AFP) - As autoridades de Israel confirmaran neste domingo um segundo caso do novo coronavírus em mais um passageiro repatriado que estava no navio "Diamond Princess", ancorado no porto japonês de Yokohama.

"Outro passageiro que retornou do cruzeiro no Japão apresentou resultado positivo", afirmou um comunicado do Ministério da Saúde.

"O paciente está isolado e sob supervisão e não foi infectado em Israel", acrescentou o relatório.

Ambos infectados estavam entre os 11 israelenses que foram autorizados a deixar o navio e viajaram para Israel depois de inicialmente seus exames darem negativo.

Os 11 foram isolados por um período de 14 dias no Centro Médico Sheba, perto de Tel Aviv.

Em outro caso, as autoridades israelenses haviam decretado uma semana de quarentena para cerca de 200 estudantes depois de estarem próximos de turistas sul-coreanos portadores do coronavírus.

A medida foi adotada depois que turistas sul-coreanos, membros da Igreja de Jesus Shincheonji, visitaram Israel entre os dias 8 e 15 de fevereiro e, ao voltarem para casa, 18 deles foram diagnosticados com a doença.

scw/dwo/mb/af/lca

Notícias