PUBLICIDADE
Topo

AGU recorre no TRF3 de liminar que impede divulgação de resultados do Sisu

Erro na correção da prova do Enem ameaça divulgação dos resultados - Arquivo pessoal
Erro na correção da prova do Enem ameaça divulgação dos resultados Imagem: Arquivo pessoal
do UOL

Igor Mello

Do UOL, no Rio

26/01/2020 13h53

A AGU (Advocacia Geral da União) interpôs ontem um recurso ao TFR3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região) contra uma decisão liminar que proibiu a divulgação dos resultados do Sisu (Sistema de Seleção Unificada).

Segundo o TRF3, o recurso da AGU chegou à corte durante a tarde deste sábado (25). O caso foi remetido para a presidência do tribunal, que irá avaliar se mantém a decisão da Justiça Federal de São Paulo.

Na última sexta-feira, a 8ª Vara Cível Federal de São Paulo acatou pedido da DPU (Defensoria Pública da União). A liminar também determina que o Ministério da Educação prove que todas as falhas na apuração das notas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foram corrigidas.

O Sisu unifica as vagas em grande parte das universidades públicas no Brasil. De acordo com o regulamento deste ano, as inscrições serão encerradas às 23h59 deste domingo. Os resultados seriam publicizados na próxima terça-feira (28), mas a divulgação está suspensa pela liminar.

Na última sexta-feira, o advogado geral da União, André Mendonça, havia afirmado em um posto no Twitter que a AGU está "mobilizada" para derrubar a liminar.

"A AGU está mobilizada para buscar reverter decisão que suspendeu o processo do Sisu. Temos convicção da regularidade das medidas que sanearam as falhas na correção das provas, como também dos graves prejuízos que a decisão do juízo de 1º grau traz a todos os estudantes", afirmou.

Notícias