PUBLICIDADE
Topo

Morre criador do código de barras

09/12/2019 20h45

Miami, 9 dez 2019 (AFP) - O americano George J. Laurer, que nos anos 1970 desenvolveu o código de barras para agilizar a cobrança de produtos nos caixas de lojas e supermercados, morreu no início do mês, aos 94 anos.

O enterro do engenheiro elétrico, que faleceu no dia 5 de dezembro, ocorreu nesta segunda-feira, na cidade de Wendell, Carolina do Norte, segundo seu obituário.

Laurer é conhecido como o inventor do "Universal Product Code", conhecido como UPC ou código de barras, que aparece impresso em muitos produtos comercializados no planeta.

O inventor começou a trabalhar na IBM nos anos 50, e se tornou engenheiro senior da empresa em Raleigh, capital da Carolina do Norte.

"Poucos anos depois, em 1973, Laurer liderou o desenvolvimento do agora símbolo UPC, que revolucionou praticamente todas as indústrias do mundo", assinala a IBM em seu site.

Outro funcionário da IBM, o engenheiro-mecânico Norman Woodland, falecido em 2012, é considerado o pioneiro do conceito do código de barras.

Em 1952, Woodland patenteou a ideia, baseada no código Morse, mas ainda não existia a tecnologia necessária para sua aplicação.

Duas décadas depois, o conceito se tornou viável quando Laurer começou a trabalhar em um scanner para ler os códigos digitalmente.

A IBM lançou o produto em 1973 e a primeira transação com um código de barras ocorreu em 26 de junho do ano seguinte, em um supermercado da cidade de Troy, Ohio.

Era uma goma de mascar que hoje está exposta no museu nacional Smithsonian de história americana, em Washington.

lm/lr

Notícias