Topo

França julga pela primeira vez policial por violência contra "coletes amarelos"

21/11/2019 11h34

Paris, 21 Nov 2019 (AFP) - Um policial compareceu, nesta quinta-feira, perante a justiça francesa por jogar uma pedra contra os "coletes amarelos", no primeiro julgamento contra um agente depois de inúmeras queixas de violência policial nos protestos antigovernamentais que abalam a França há um ano.

A audiência é realizada alguns dias após o primeiro aniversário desse movimento popular, que no sábado voltou a mobilizar milhares de manifestantes em toda a França, em um dia que resultou em fortes distúrbios e confrontos com a polícia, especialmente em Paris.

Os "coletes amarelos" acusam a polícia de utilizar táticas brutais para reprimir o movimento, especialmente o uso de balas de borracha que, segundo uma compilação do jornalista independente David Dufresne, custaram a perda de um olho a pelo menos 24 pessoas.

O agente, que ainda está em serviço, deve responder às acusações de "violência deliberada por parte de uma pessoa que ocupa um cargo de autoridade pública".

Ele pode ser condenado a até três anos de prisão e uma multa de 45.000 euros.

Em situações semelhantes, um "colete amarelo" de 34 anos foi condenado a oito meses de prisão no início do ano.

bur-meb/mb/aa

Notícias