Topo

EUA terá condomínio "futurista" sem estacionamento para moradores

Culdesac Tempe - condomínio sem carros - Divulgação
Culdesac Tempe - condomínio sem carros Imagem: Divulgação
do UOL

Do UOL

Em São Paulo (SP)

21/11/2019 11h39

A cidade de Tempe, no Arizona, será a primeira a receber um conjunto habitacional para cerca de 1.000 pessoas sem estacionamento para os moradores. O condomínio, chamado de Culdesac, segue uma filosofia de um futuro sem carros, com projeto que custará US$ 140 milhões (aproximadamente R$ 586 mi).

No entanto, os carros não estão totalmente fora da jogada. Haverá estacionamentos para visitantes e locais para compartilhamento de veículos. São planejados também centros de compartilhamento de scooters e linhas de ônibus no local.

O condomínio também estará localizado próximo de uma estação de trem, o que promete trazer conforto aos moradores, que poderão escolher entre se locomover de transporte público ou a pé.

Argumentando que muitas das vezes construções deste tipo são ditadas por estacionamentos, o condomínio terá preenchido seu espaço extra com lojas, refeitório, praças, espaços verdes e outras comodidades.

"Como o poder da inovação em transporte é maior em escala, estamos considerando locais maiores para o nosso próximo projeto", disse Jeff Berens, co-fundador da Culdesac, afirmando que estuda fazer projetos similares nas cidades de Dallas, Denver e Raleigh-Durham.

"As pessoas estão prontas para deixar seus carros para trás para um estilo de vida mais vibrante e de caminhadas, resultado de uma vida em um bairro sem carros".

De acordo com o site oficial, o lançamento das moradias está marcado para 2020.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Notícias