Topo

Ex-presidente paraguaio Fernando Lugo elogia "integridade" de Lula

08/11/2019 20h09

Assunção, 8 nov (EFE).- O ex-presidente paraguaio Fernando Lugo elogiou nesta sexta-feira a "integridade" de Luiz Inácio Lula da Silva após passar 580 dias na prisão devido a um "julgamento vergonhoso".

"Querido companheiro Lula, um julgamento vergonhoso e 580 dias de prisão não conseguiram mover um centímetro de sua integridade e dignidade para continuar ao lado de seu povo. Um abraço de todos os povos latino-americanos para você e todos aqueles que lutam ao seu lado", comentou Lugo, que atualmente é senador, no Twitter.

Lugo e Lula, que partilham uma linha política semelhante, tiveram várias reuniões antes da prisão do ex-mandatário brasileiro.

Em abril do ano passado, Lugo, destituído por impeachment em 2012, chamou o processo judicial contra Lula de "golpe à democracia", um "processo político e não jurídico".

Há dez anos, ambos como presidentes assinaram um acordo histórico que permitiu que o Paraguai recuperasse o controle sobre sua energia na Usina Hidrelétrica de Itaipu, compartilhada pelos dois países.

Lugo organizou um ato para comemorar o acordo em julho, mas Lula não pôde participar porque já estava preso.

O juiz Danilo Pereira Júnior, da 12ª Vara Criminal de Curitiba, autorizou a soltura de Lula um dia após o Supremo Tribunal Federal anular uma jurisprudência de 2016 que permitia a execução da pena de prisão após a confirmação em segunda instância, mesmo que ainda restassem recursos em instâncias superiores.

Lula, 74 anos, saiu às 17h41 (horário de Brasília) da cela onde, desde 7 de abril de 2018, cumpria pena de oito anos e dez meses por por corrupção passiva e lavagem de dinheiro pelo 'caso triplex'. O ex-presidente brasileiro recorrerá em liberdade. EFE

Notícias