Topo

Fiat cogita abandonar categoria de subcompactos, diz CEO

Fiat 500 - Fiat/Divulgação
Fiat 500 Imagem: Fiat/Divulgação
do UOL

Do UOL

Em São Paulo (SP)

05/11/2019 11h37

A Fiat revelou que pode sair do segmento de subcompactos na Europa por conta do aumento nos custos de desenvolvimento e pelas novas e rigorosas regras de emissão.

Segundo o CEO da Fiat Chrysler Automobiles, Mike Manley, a montadora estuda abandonar a produção do 500 e do Panda em favor de um carro para disputar a categoria dos compactos. No entanto, Manley não estipulou um prazo para que isso fosse feito.

"Em um futuro muito próximo, você nos verá focando mais neste segmento de maior volume e margem maior, e isso envolverá uma mudança do segmento de minicarros", disse ele em uma teleconferência com analistas financeiros sobre os resultados do terceiro trimestre.

Manley não mencionou quais carros poderiam ser o destino dos investimentos da FCA, mas disse que o segmento de compactos oferece uma "margem de lucro muito maior" que a categoria de subcompactos.

A Fiat declarou que teve perda de 55 milhões de euros (aproximadamente R$ 244 milhões) no terceiro trimestre de 2019 na Europa, naquilo que o CEO chamou de "desafio comercial".

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Notícias