Topo

Em 4 anos, número de startups no país mais que triplica, diz associação

do UOL

Claudia Varella

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/10/2019 17h31

Em quatro anos, de 2015 até 2019, o número de startups no país mais que triplicou, passando de 4.151 para 12.727 --um salto de 207%. Desse total, apenas nove são "unicórnios" (empresas avaliadas em mais de US$ 1 bilhão). As "unicórnios" brasileiras são PagSeguro, Nubank, 99, Stone Pagamentos, iFood/Movile, Loggi, Gympass, QuintoAndar e Arco Educação.

Os dados, de setembro deste ano, são da Associação Brasileira de Startups (Abstartups).

Os setores com maior número de startups são:

  • Educação: 748
  • Finanças: 492
  • Internet: 446
  • Saúde e bem-estar: 406
  • Agronegócio: 316

"Alguns fatores foram fundamentais para a evolução das startups, como empreendedores mais focados em resultados e prontos para receber investimentos. Também houve alguns movimentos políticos que melhoram o ambiente, como a nova legislação para investidores-anjo e a MP da Liberdade Econômica. Isso torna o mercado mais seguro para investidores", disse Tânia Gomes, vice-presidente da Abstartups.

Quer saber mais informações e dicas sobre economia e finanças pessoais de um jeito fácil de entender? Siga @uoleconomia no Instagram!

Startup desenvolve pulseira que lê pensamentos

Band Notí­cias

Mais Notícias