Topo

Ataque iemenita a instalações sauditas foi uma "advertência", afirma presidente do Irã

18/09/2019 06h17

Teerã, 18 Set 2019 (AFP) - Os ataques de sábado contra instalações petroleiras sauditas foram uma "advertência" feita pelos rebeldes iemenitas a Riad, cujas autoridades deveriam "aprender a lição", afirmou o presidente do Irã, Hassan Rohani.

"Não atacaram um hospital, não atacaram uma escola. Atacaram um centro industrial para adverti-los", declarou Rohani durante o conselho de ministros, de acordo com informações publicadas em sua conta no Twitter.

"Aprendam a lição desta advertência e considerem que poderia acontecer uma guerra em toda a região", completou o presidente iraniano, em uma mensagem aos líderes da Arábia Saudita, grande rival de Teerã.

Em seu discurso, Rohani não cita diretamente os huthis, rebeldes iemenitas apoiados pelo Irã. A Arábia Saudita, que respalda as forças pró-governo do Iêmen, luta contra os insurgentes ao lado de uma coalizão árabe desde 2015.

No sábado, os huthis reivindicaram os ataques com drones contra duas instalações petroleiras na Arábia Saudita.

Diversas autoridades do governo dos Estados Unidos, incluindo o secretário de Estado, Mike Pompeo, e o secretário de Defesa, Mark Esper, acusaram o Irã de responsabilidade direta pelo ataque, que provocou a redução à metade da produção de petróleo saudita.

bur-mj/gk/es/bl/fp

Mais Notícias