Topo

Cristina Kirchner pede autorização à justiça para ver a filha em Cuba

10/09/2019 16h25

Buenos Aires, 10 set (EFE).- A ex-presidente da Argentina Cristina Kirchner, candidata à vice na chapa encabeçada por Augusto Fernández, solicitou autorização à justiça local para viajar e visitar a filha, que vive em Cuba, onde realiza tratamento médico.

O pedido para ida ao país caribenho entre amanhã e a próxima segunda-feira foi feito ao Tribunal Oral Federal 2, que desde 21 de maio deste ano a julga pelo crime de corrupção, a partir da acusação de suposta formação de quadrilha e fraude, na concessão de obras públicas durante o mandato.

A solicitação foi feita por meio de requerimento escrito, que foi apresentado pelo advogado da atual senadora, Carlos Beraldi.

Esta seria a quinta viagem de Cristina Kirchner para Cuba, desde que a filha Florença começou tratamento por um transtorno de estresse pós-traumático.

A última ida à Havana aconteceu entre 22 e 30 de agosto, poucos dias depois que a coalizão Frente de Todos, em que é candidata à vice, venceu a aliança governista, liderada pelo atual presidente, Mauricio Macri.

Antes de viajar pela primeira vez para ver Florença, Cristina Kirchner afirmou que a filha estava com problemas de saúde por causa da perseguição "feroz" que sofre a mãe. EFE

Mais Notícias