Topo

Semana do Brasil tem baixo engajamento nas redes sociais

Getty Images
Imagem: Getty Images
do UOL

Renato Pezzotti

Colaboração para o UOL, em São Paulo

09/09/2019 15h29

Mesmo com a participação de mais de 3.600 empresas na "Semana do Brasil", espécie de Black Friday criada pelo governo federal para tentar aquecer a economia nacional, o projeto tem baixo engajamento nas redes sociais. A "Semana Brasil" começou oficialmente na sexta-feira (6) e vai até o próximo domingo (15).

Um levantamento do Torabit, empresa de monitoramento de redes sociais, apontou que a "Semana do Brasil" teve apenas 20 mil menções nas redes entre os dias 26 de agosto e a manhã desta segunda-feira (9). Para efeitos de comparação, a Black Friday do ano passado gerou quase 400 mil menções nos oito dias de mensuração.

Segundo a empresa, a semana de promoções teve repercussão bem restrita aos perfis oficiais do governo e a sua rede de apoio nas redes, principalmente no Twitter. São Paulo é o estado com maior número de menções, com 25,5%. O Rio de Janeiro está na segunda posição, com 18,7%.

Entre as empresas, as cinco marcas mais comentadas até hoje (9) foram, em ordem:

  1. Magazine Luiza
  2. Casas Bahia
  3. Amazon
  4. Americanas
  5. Pão de Açúcar

Venda de mala tamanho P cresce 70%, diz chefe da Le Postiche

UOL Notícias

Mais Notícias