Topo

Dow Jones fecha em forte baixa de 3,05%

14/08/2019 18h53

Nova York, 14 ago (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta quarta-feira em forte baixa de 3,05%, em um dia marcado pelos temores do mercado financeiro quanto a uma possível recessão econômica em escala global.

O principal indicador da Bolsa de Nova York caiu 800,49 pontos, para 25.479,42. O seletivo S&P 500 recuou 2,93%, para 2.840,60, e o índice composto da Nasdaq despencou 3,02%, para 7.773,94 pontos.

O setor financeiro foi um dos mais afetados pelo pânico dos investidores. Os papéis de Citigroup (-5,73%), Bank of America (-4,69%), JPMorgan (-4,17%), Goldman Sachs (-4,20%) e Wells Fargo (-4,33%) estavam entre os que registraram as maiores quedas em Wall Street hoje.

Entre as 30 empresas cotadas no Dow Jones, as piores perdas foram das ações de DowDuPoint (-5,91%), Walgreens (-5,01%), Exxon Mobil (-4,03%), Cisco (-4%), Chevron (-3,8%) e Boeing (-3,74%).

O medo foi motivado por uma sequência de notícias negativas divulgadas hoje, que alimentam os temores de uma recessão global no curto prazo. A atividade industrial da China cresceu no ritmo mais lento desde 2002, o Produto Interno Bruto (PIB) da Alemanha recuou 0,1% no segundo trimestre, e as reservas de petróleo dos Estados Unidos subiram pela segunda semana consecutiva, o que sugere uma baixa demanda do mercado americano no período.

Além disso, a rentabilidade dos treasuries a 10 anos chegou a cair durante o pregão para um valor menor do que os dos títulos a 2 anos, o que não ocorria desde junho de 2007, ano da última grande crise mundial. A inversão na curva do rendimento dos treasuries a curto e longo prazo gera inquietação no mercado, já que este fenômeno precedeu várias recessões.

Para contribuir com o pânico, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, publicou uma mensagem efusiva sobre os treasuries no Twitter e aproveitou a oportunidade para atacar o Federal Reserve (Fed), o banco central do país, por manter as taxas de juros mais altas do que ele gostaria.

No horário de fechamento da bolsa, o rendimento dos treasuries de 10 anos caía para 1,581% e o de 2 anos para 1,579%, valores muito próximos e que mantêm o mercado em alerta. Já a onça do ouro subia para US$ 1.524,80. EFE

Mais Notícias