Topo

Airbags de joelho não são eficazes e podem até provocar lesões, diz estudo

Luzes no painel: airbag - Reprodução
Luzes no painel: airbag
Imagem: Reprodução
do UOL

Do UOL

Em São Paulo (SP)

14/08/2019 15h48

Os airbags são atualmente dispositivos essenciais para a indústria automotiva, já que desaceleram o corpo de maneira eficaz e evitam assim o agravamento de lesões ou fraturas em acidentes automobilísticos.

Entretanto, um estudo do Instituto de Seguros para Segurança nas Estradas nos EUA (IIHS) sugere que airbags de joelho não ajudam na prevenção de lesões. Pelo contrário. Os airbags, segundo os pesquisadores, podem até aumentar o risco de contusão em alguns casos. Estes dispositivos nos joelhos têm como intenção prevenir contusões nas partes inferiores do corpo, mas também auxiliar abdômen e peito nas colisões.

Depois de analisar 400 acidentes de colisão frontal, o instituto concluiu que o airbag pode contribuir para lesões em alguns casos. Em um teste de impacto frontal do lado esquerdo (no motorista), os airbags foram associados a um aumento no risco de lesões na perna e no fêmur direito. Airbags de joelho não exerceram efeito em batidas de frente entre dois veículos.

Levando em conta dados de 14 estados norte-americanos, o instituto concluiu que os airbags de joelho reduziram o risco geral de lesões de 7,9% para 7,4% - algo que estatisticamente não é significativo segundo o IIHS.

Falando dos motivos pelos quais os airbags de joelho são vendidos, o instituto aponta que eles podem ser benéficos para ocupantes sem cinto de segurança no carro. Além disso, os dispositivos ajudam os carros a tirarem notas melhores em testes.

"Há muitas estratégias de projeto diferentes para proteger contra os tipos de lesões nas pernas e nos pés que os airbags de joelho devem enfrentar. Outras opções podem ser tão ou mais eficazes", disse Becky Mueller, engenheira sênior de pesquisa do IIHS e co-autora do artigo sobre o estudo.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Mais Notícias