Topo

Mercado de ações da Europa vai a máxima em uma semana ajudado por Burberry

Sruthi Shankar e Amy Caren Daniel

16/07/2019 14h49

(Reuters) - As ações da grife britânica Burberry subiram nesta terça-feira, elevando outras fabricantes de artigos de luxo, enquanto resultados positivos de grandes bancos de Wall Street aumentaram os ganhos para o setor bancário da região, impulsionando os principais mercados acionários europeus para seus maiores níveis de fechamento em uma semana.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,33%, a 1.531 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,35%, a 389 pontos, seu maior nível de fechamento desde 8 de julho.

Os papéis da Burberry subiram 14,4%, seu maior ganho em um dia em 7 anos, com seus resultados trimestrais mostrando uma demanda por designs do novo presidente de criação Riccardo Tisci.

Outras lojas de marca na Europa, incluindo Hermes, LVMH e Kering, valorizaram-se entre 0,4% e 2%, ajudando o índice francês CAC 40 a superar o desempenho dos outros índices europeus, com um ganho de 0,65%.

O euro também era prejudicado depois que os dados apontaram para uma deterioração na confiança entre os investidores alemães, ajudando os exportadores no índice pan-europeu.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,60%, a 7.577 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,35%, a 12.430 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,65%, a 5.614 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,12%, a 22.204 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,57%, a 9.377 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,07%, a 5.263 pontos.

Mais Notícias