Topo

França diz ao Irã para parar com trabalhos para míssil balístico de capacidade nuclear

11/01/2019 16h57

PARIS (Reuters) - A França disse ao Irã nesta sexta-feira que pare imediatamente todas as atividades ligadas a mísseis balísticos que podem carregar armas nucleares depois de Teerã anunciar que pode colocar dois satélites em órbita nas próximas semanas.

"A França lembra que o programa de mísseis iranianos não está em conformidade com a resolução 2231 do Conselho de Segurança da ONU", disse a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da França Agnes von der Muhll a jornalistas em um briefing diário.

"A França pede que o Irã pare imediatamente com todas as atividades relacionadas a mísseis balísticos desenvolvidos para carregar armas nucleares, incluindo testes usando tecnologia de mísseis balísticos."

A porta-voz estava respondendo a comentários do presidente iraniano, Hassan Rouhani, que disse que dois satélites serão enviados ao espaço usando mísseis feitos pelo Irã.

Teerã respondeu avisando a França para evitar repetir alegações "irresponsáveis e incorretas" sobre os trabalhos do Irã com mísseis feitas por países contrários a um acordo de 2015 alcançado entre o Irã e seis potências mundiais, afirmou a TV estatal iraniana nesta sexta.

"O programa defensivo de mísseis desenvolvido pelo Irã é um direito natural da nação iraniana", disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã Bahram Qasemi, de acordo com a emissora.

"O programa de mísseis do Irã não viola a resolução 2231 da ONU."

(Reportagem de Parisa Hafezi em Dubai e John Irish em Paris)

Mais Notícias