Topo

Parceria entre Google e Funai destaca a importância das reservas indígenas

Reprodução/Google
Recurso permite ver as "ilhas" de verde preservadas nas reservas indígenas Imagem: Reprodução/Google

do BOL, em São Paulo

2017-07-04T10:28:07

04/07/2017 10h28

A Fundação Nacional do Índio (Funai) e o Google assinaram um acordo para representar as terras indígenas nas ferramentas Maps e Earth da empresa norte-americana. Além de demarcar as terras nas ferramentas de mapas, a medida permite ainda conhecer o impacto positivo que as comunidades exercem na preservação da biodiversidade local.

O novo recurso permite pesquisar por grupos étnicos e nomes de territórios nas duas ferramentas. 472 áreas diferentes foram adicionadas, regiões onde vivem cerca de 500.000 pessoas.

Somado ao banco de dados de imagens por satélite, é possível ver como as regiões foram impactadas pela ação do homem, e a diferença nas regiões demarcadas, que geralmente preservaram a vegetação original.

O Google destacou como algumas tribos já usavam os recursos de mapeamento, caso do povo Suruí, que se valeu da ferramenta para monitorar o desmatamento ilegal e registrar o legado histórico da tribo na região. A iniciativa permitiu aos Suruís receber créditos de carbono por seu trabalho de preservação da floresta.

A nova ferramenta já está integrada aos serviços Maps e Earth, podendo ser usada diretamente no campo de busca nas páginas e aplicativos.

Quer receber notícias do Brasil de graça por mensagem no seu Facebook? Clique AQUI e digite Brasil após acessar o Messenger. É muito simples!

Mais Notícias