Topo

Salão de Xangai 2019: 10 carros que queremos ver na China

Aly Song/Reuters
Elon Musk, da Tesla, pode até não estar em Xangai, mas elétricos vão força ao evento Imagem: Aly Song/Reuters
do UOL

Do UOL, em São Paulo (SP)

2019-04-14T08:00:00

14/04/2019 08h00

Um ano em Pequim, outro em Xangai, sempre atraindo todos os olhares em abril. Esta alternância entre as sedes dos grandes salões automotivos dá ideia da grandeza e importância da China dentro do cenário global -- nenhum outro grande mercado para carros dá conta de manter evento anual em duas cidades diferentes, com o mesmo bom nível.

Para 2019, o Salão de Xangai será, novamente, uma mostra extremamente importante para o Brasil. E a bola da vez estará com a General Motors: a gigante norte-americana voltou seus olhos -- e o orçamento -- ao oriente, que vai dar o tom do que será a Chevrolet do futuro. A nova família Onix, mas também novos crossover e SUVs da marca, ganham vida lá, para só depois chegar ao Brasil e restante do mundo.

Mas Volkswagen também promete boas novidades, assim como Porsche, Audi e até Mercedes-Benz.

Olhos vidrados também para acompanhar o que as marcas chinesas puras podem fazer. A Geely já mostrou tem as cartas na mão: comprou 10% da Mercedes-Benz, bem como controle total da submarca Smart. Além disso, o grupo é dono da Volvo e da Lotus e deve ter boas estreias dessas marcas.

A Chery, junto à parceira brasileira Caoa, também pode causar. Assim como a JAC, que é uma das maiores marcas chinesas, mas está sendo sondada pela Volkswagen, que quer ampliar sua participação no país do socialismo de mercado. UOL Carros estará no evento, trazendo as novidades a partir do dia 17, mas adiantamos o que estamos mais ansiosos para ver!

Lista de desejos

  • Divulgação

    Chevrolet Onix 2020

    A nova família começa com o sedã e ganha vida na China. O hatch também pode aparecer, ainda que como conceito, embora já ganhe vida este ano, também. Monovolume e picape ainda devem ficar fora da festa... mas nada impede que surpresas sejam feitas. No Brasil, os carros estreiam no final deste ano. Leia mais

  • Reprodução

    Chevrolet Tracker 2020

    O SUV compacto também faz parte da nova família Onix, feita sobre a plataforma global modular e compacta GEM. E também deve mostrar sua forma final no Salão de Xangai. No Brasil, estreia apenas em meados de 2020. Leia mais

  • Divulgação

    Chevrolet Trailblazer

    Sim, a GM promete roubar a festa na China. Além dos compactos, um vislumbre da próxima geração do Trailblazer, SUV montado sobre chassis, está prometido. Claro, ele também dá toda a pinta de como será a nova S10... ou não? Pode ser que a GM resolva dar identidade própria aos modelos, ainda que a base seja a mesma. É algo que a Toyota fez com Hilux e SW4, por exemplo. Leia mais

  • Benoit Tessier/Reuters

    Renault K-ZE

    Esse codinome significa uma coisa: Kwid elétrico. Aliás, duas coisas, já que a configuração real do modelo trará, além da nova motorização limpa, o novo visual do Kwid para o Brasil. Queremos muito saber dos novos rumos do pequenino. Leia mais

  • Divulgação

    Marca Jetta

    Pois é, a Volkswagen está querendo muito fazer sucesso na China, base para seu plano de manutenção da primeira posição global entre as montadoras. Além das alianças com marcas chinesas e dos modelos lançados com a própria marca VW, o grupo alemão aposta também na submarca Jetta, feita para ter modelos mais acessíveis. O nome é o mesmo do sedã feito no México, mas os carros são releituras de Seat e de Skoda.

  • Divulgação

    Volkswagen I.D. Roomzz Concept

    E que tal mais um "capítulo" da novela da nova familia de carros elétricos da Volks? Já sabemos que a linha I.D. vai atrasar um pouco seu lançamento global. Sabemos também que o Brasil não verá os modelos tão cedo. Mas ainda ser queremos ver o que o time de designers da empresa, que tem brasileiros também (como Marco Pavone, criador do up! e do Polo, e Arnaldo Cruzeiro, do T-Cross e Novo Touareg), bolou.

  • Murilo Góes/UOL

    Audi Q2L e-tron

    O Q2 já existe há algum tempo, mas ainda é assunto difícil para o Brasil. O crossover tem o tamanho do T-Cross, mas seu espaço dentro da linha nacional da Audi ainda é algo complicado. Seria caro demais para carro com tamanho de menos. Mas e se ele fosse maior? E se fosse eletrificado? Essa configuração será mostrada agora na China.

  • Divulgação

    Porsche Cayenne Coupé 2019

    Será a primeira aparição do novo modelo em um salão. O que ele é? Lembra do Lamborghini Urus? Lembra do Audi Q8? Ambos estiveram no último Salão de São Paulo. Pois bem, o Porsche Cayenne Coupé é primo-irmão dois dois modelos, com tanto tamanho quando o Cayenne comum, mas com caimento do teto mais esportivo. Detalhe: deve desembarcar no Brasil ainda este ano. Leia mais

  • Divulgação

    Geely

    Demos spoiler na abertura do texto: a Geely é a chinesa mais interessante do momento. Ainda que usando outras marcas. Além de Volvo (e da grife elétrica Polestar), o grupo já confirmou que terá novidades da Lotus. Mas queremos ver também o que mostrará com o próprio emblema. Lembrando que a Geely saiu correndo do Brasil após a questão da sobretaxação para importados e da crise econômica posterior... e nunca mais voltou.

  • China Car Forum/Reprodução

    Landwind E315

    O que fazer quando o Judiciário te proíbe de fabricar seu maior sucesso, justamente porque ele era uma cópia descarada de um carro global de outra empresa? Depois de ter o clone do Evoque vetado, a Landwind vai tentar mostrar que sabe fazer os próprios automóveis: o E315 poderá ser, ou não, uma prova disso.

Mais Listas