Topo

Morreu pela boca! BBBs que foram eliminados após falas polêmicas na casa

Reprodução/Globo
Dhomini foi eliminado do "BBB13" e Ana Paula deixou cedo o "BBB18" Imagem: Reprodução/Globo
do UOL

Carolina Farias

Do UOL, no Rio

22/01/2019 04h00

Desde o último domingo (20), uma declaração de Maycon virou polêmica nas redes sociais. O vendedor de queijos disse que já colocou uma bombinha no rabo de um gato e ainda questionou se os demais participantes já haviam feito a mesma coisa. 

A ativista Luisa Mell chegou a incentivar seus seguidores a eliminar o mineiro do programa. Tatá Werneck também usou as redes sociais para pedir a saída do brother. "Louca pra você sair e eu amarrar uma bombinha no teu rabo", disse a atriz e apresentadora.

A declaração infeliz dentro da casa pode custar caro a Maycon, já que o super-paredão terá votação encerrada e eliminação nesta terça-feira (22). Outros participantes que criaram polêmica com suas falas acabaram saindo por conta da repercussão. O UOL lembra de alguns casos em que brothers e sisters "morreram pela boca":

  • Divulgação/Globo

    Arrancou dentes de cão

    Campeão do "BBB3", Dhomini Ferreira entrou na edição de 2013, a segunda com ex-participantes, e poderia ir longe no jogo, mas a infeliz declaração de que teria arrancado os dentes de um cachorro com um machado causou a ira do público, que o eliminou com 54% dos votos no seu primeiro paredão, o segundo do "BBB13". Leia mais

  • Divulgação/Globo

    Acusado de racismo

    Na primeira festa do "BBB14", o gaúcho Cássio Lannes contou para Tatá Werneck, que participou da festa como Valdirene, sua personagem na novela "Amor à Vida", que respondia a um processo criminal por ter "atravessado" uma mulher "afrodescendente" durante uma relação sexual.

    Foi eliminado com 63% dos votos e se disse perplexo com a repercussão. Ele jura que era uma piada. Internautas também encontraram tuítes antigos do ex-participante com comentários racistas. Ele foi até alvo de uma representação no Ministério Público que investigou as declarações. Leia mais

  • Divulgação/Globo

    Agrediu ex-namorada

    O segundo paredão do "BBB15" foi entre Douglas Ferreira e Adrilles Jorge e o primeiro saiu com 63% dos votos. Na noite anterior a sua saída, Douglas contou que bateu em uma ex-namorada até ela desmaiar. Quando saiu da casa, o motoboy se deu conta que suas declarações podem ter sido decisivas para o julgamento do público.

    "Eu tinha 18 anos. Foi uma questão de imaturidade, de moleque, mas a sua cabeça muda, sua filosofia de vida é outra. Hoje sou completamente contra qualquer tipo de agressão", disse em entrevista após a eliminação Leia mais

  • "Mentir aqui não rola"

    No "BBB17" uma mentira tirou a participante Roberta Freitas do jogo. No segundo paredão, ela foi o sétimo voto de Mayara Motti, que tirou satisfação de todos os participantes para saber quem votou nela. Quando questionou Roberta, a youtuber negou ter votado nela. A sister ainda disse para Elis, que sabia do voto de Roberta: "Mentir aqui não rola, o Brasil não gosta disso".

    A declaração deixou o público furioso e, quando a youtuber foi para o paredão, recebeu 79% dos votos Leia mais

  • Reprodução/Globo

    "Viado"

    A bruxinha da edição de 2018 do "Big Brother" causou polêmica logo na primeira semana, quando se referiu ao psicólogo Mahmoud Baydoun como "viado". Ela escapou do primeiro paredão com Mara, a primeira a deixar o programa, mas sua permanência por mais duas semanas geraram mais polêmica.

    Uma delas foi xingar de "traidor filha da puta" o sírio Kaysar Dadour, um dos favoritos da edição, durante uma transmissão ao vivo. Ana Paula saiu com 89,7% dos votos de um paredão triplo, recorde para uma eliminação entre três participantes Leia mais

Mais BBB19