Topo
Esporte

Van Dijk critica arbitragem após derrota para a Inglaterra: "Correu para o vestiário"

10/07/2024 19h08

Virgil Van Dijk deixou o campo devastado com a eliminação na semifinal da Eurocopa para a Inglaterra após a derrota por 2 a 1, sofrendo o segundo gol aos 45 minutos do segundo tempo. Passado o confronto, o zagueiro holandês fez questão de demonstrar sua insatisfação com a arbitragem do alemão Felix Zwayer.

"O juiz correu para o vestiário logo depois do apito final, não cumprimentou ninguém. Acho que isso diz muito", afirmou Van Dijk.

O descontentamento do zagueiro holandês tem explicação. Após abrir o placar com um golaço de Xavi Simons, a Holanda acabou sofrendo o empate em um pênalti a favor da Inglaterra que gerou debates acalorados. O lance em que Dumfries acaba atingindo o pé de Harry Kane é um tanto quanto duvidoso.


O segundo gol sofrido, aos 45 minutos do segundo tempo, praticamente acabou com qualquer chance de a Holanda se classificar para a decisão da Eurocopa. Isso porque o árbitro alemão Felix Swayer havia concedido somente dois minutos de acréscimo, que acabaram sendo estendidos para cinco, mas, ainda assim, não foi suficiente para que os holandeses reagissem.

"Não tenho palavras. Sofrer um gol faltando poucos minutos para o fim do jogo é terrível, machuca demais. Tenho que estar aqui, mas eu não sei nem o que dizer. Dói muito", confessou Van Dijk.

Espanha e Inglaterra se enfrentarão no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Estádio Olímpico de Berlim, palco da grande final da Eurocopa. Os espanhóis podem se tornar os maiores campeões do torneio, com quatro taças, enquanto os ingleses buscam seu primeiro título continental.

Esporte